“Não tive escolha”. Será?


Somos fruto de nossas escolhas, o tempo todo e durante a nossa vida inteira. Não há como fugir das consequências delas. Fazer escolhas implica tomar decisões que moldam as nossas vidas. Costumo dizer que de qualquer maneira a conta será paga por você, independente da sua escolha. Se escolher ir terá consequências, se resolver ficar, também haverá de arcar com a conta dessa decisão. Portanto é importante estar consciente do caminho que sua vida está tomando, analisar as alternativas e "bancar" suas escolhas, porque mais tarde todos os frutos colhidos serão consequências disto. Muitos dizem: mas eu não tive escolha! Por pior que seja a circunstância, sempre haverá uma escolha. A vida cobra sempre o seu preço, por isso: Se você tem um emprego, dê o seu melhor; Se você tem um relacionamento, lute por ele; Se você tem filhos, cuide deles; Se você tem amigos, cultive-os.

E lembre-se sempre que você é o maior responsável pelos resultados alcançados em sua vida!

#DanielaRodriguesCosta #PsicologiadaVila #decisões #escolhas